ACESSOS
85719

 
 
    < Voltar  

13/07/2019 12:38:14


SALÁRIO CONGELADO ATÉ 2021, MAS INFLAÇÃO NÃO.

 
       Compartilhe esta matéria em sua linha do tempo!

Nelson Brelaz

Imagem: divulgação

As classes de servidores públicos, com esse episódio, devem refletir que é preciso ter representantes na ALEAM compromissados com as causas populares.

A votação congelando salário dos servidores do Estado tem várias faces.

A vontade do governador Wilson Lima de mostrar força politica, e a segunda, é falta de assessoria técnica na Sefaz, com capacidade para tirar o Amazonas da “zona de perigo” que o governo alega, na questão de arrecadação, sem prejudicar os servidores por três anos.

Fora Serafim Correa que reputo com o mais lúcido de todos  os deputados, o Cabo Maciel, representante dos militares, mostrou que tem compromisso com o servidor e não com os desejos estapafúrdios do governo, votando contra o governo, de quem era vice-líder, e de imediato colocou o cargo a disposição do governador. 

Merece meus aplausos e quem sabe nas próximas eleições até mesmo meu voto e meu trabalho de graça.

Que eu saiba, nenhuma outra categoria de servidor tem representante legítimo no Parlamento Amazonense. Servidores da saúde, professores e demais categorias, para citar as duas maiores, não tem “poder de fogo” e vivem a mendigar ajuda de quem não tem compromisso com esses servidores.

O deputado ou o Vereador é eleito para defender os interesses de que os elegeu, ou pelo menos contribuiu para a eleição.

Por exemplo, o deputado Saulo Viana, recebeu uma boa votação em Parintins, tem seu nome cogitado para uma candidatura a Prefeito no próximo ano, deveria ter engrossado o caldo dos contra, ou feito como o deputado Belão que ficou ausente.

Acho que o deputado Saulo Viana não foi bem assessorado nessa questão, e mesmo sabendo que não é o legitimo representante dos servidores, deveria ter aproveitado a oportunidade de aumentar a sua base politica na Capital e no interior do Estado.

Sobre a representatividade os servidores, se os Sindicatos e/ou Associações não trabalharem unidos para eleger Vereador e Deputado compromissado com as categorias, nunca terão força para reivindicar do governo e moral para cobrar posição desses legisladores. 

Comaprtilhe esta matéria em sua linha do tempo!
Comentário:
      Comentário:
      E-mail:
      Senha:
                           Cadastrar-se para comentar
  Comentários de usuários cadastrados »

Não há comentários nesta matéria. Seja o primeiro a comentar, cadrastre-se!