ACESSOS
78278

 
 
    < Voltar  

04/01/2016 15:08:31


FALANDO SÉRIO

 
       Compartilhe esta matéria em sua linha do tempo!

Nelson Brelaz

Começamos o ano da decisão político-eleitoral para todo o País. Em cada município brasileiro, eleitores vão decidir o que foi bom para o povo e com certeza repudiar o que foi ruim.

Pois bem, nós também estamos nesse processo. Até agora em nossa cidade, Parintins, seis nomes aparecem como pretendentes ao cargo de Prefeito: Bi Garcia, ex-prefeito e deputado estadual; Messias Cursino, ex-vice-prefeito e funcionário federal; Carlos Alexandre Ferreira da Silva, atual prefeito; Mateus Assayag, Vereador e ex-secretário de obras; Márcia Baranda, ex-presidente do Caprichoso e empresária e finalmente Juscelino Manso, advogado e ex-vereador.

Pelo menos esses seis nomes estão aqui e acolá sendo badalados pela população. Uns com ampla maioria favorável como é o caso do deputado Bi Garcia, que administrou Parintins por oito anos, realizando uma boa administração. Há também os que apostam em Messias Cursino, que durante os oito anos em que foi vice Prefeito, soube conquistar amizades, e como funcionário federal tem o respeito de seus colegas de repartição. Mas, não acontece o mesmo em relação aos demais.

Carlos Alexandre Ferreira da Silva, Carbrás, assumiu o mandato com apenas 44% de votos favoráveis e hoje nas pesquisas aparece com 85% de rejeição, resultado de uma administração considerada desastrosa para a maioria da população, mas sob a ótica dos “amigo” do poder, muito boa.

Mateus Assayag, como vereador não foi de grande expressão, mas mostra-se um jovem equilibrado no trato com as pessoas e sério no seu trabalho de Legislador.

Márcia Branda, como todo presidente de Boi, na sua passagem pelo comando do Caprichoso, teve problemas com prestação de contas e outras coisas internas. Nunca exerceu mandato político.

Juscelino Manso como Vereador teve a sua carreira de advogado ofuscada pela política, e, seguindo os passos de Carbrás, tenta conquistar votos através de programa de televisão que ainda não encontrou a sua linha de atuação.

Isso é que ouço nos mais diversos lugares da cidade: Feira do Bagaço, Feira do Itaúna, Mercado Central, Baixa da Xanda, Praça dos Bois, para citar alguns dos lugares onde as conversas sobre política fervilham.

Posso estar errado, mas a pesquisa interna do governo dá sinais de que a disputa deste ano ficará mesmo entre os três primeiro colocados, ou seja, Bi Garcia em primeiro, Messias Cursino em segundo e Carbrás em terceiro lugar.

 

 

Comaprtilhe esta matéria em sua linha do tempo!
Comentário:
      Comentário:
      E-mail:
      Senha:
                           Cadastrar-se para comentar
  Comentários de usuários cadastrados »

Não há comentários nesta matéria. Seja o primeiro a comentar, cadrastre-se!